Escolha uma Página

Sua empresa já realiza campanha no Ads? Antes de começar a anunciar, é preciso entender como essa plataforma funciona e quais os tipos de campanhas disponíveis.

No dia 24 de julho, o antigo Google Adwords terá a sua logo, url e nome alterados para Google Ads. A alteração é, aparentemente, estética, uma vez que o próprio Google garantiu que as mudanças não afetarão relatórios, campanhas ou a navegação na interface.

Alguns gestores se sentem inseguros em anunciar nessa ferramenta, mas esse receio acabará com este post. Veja os 6 tipos de campanhas e como utilizá-las!

O que é o Google Ads?

O Google Ads não é um formato de anúncio. Esse é o nome dado à plataforma do Google que cria links patrocinados em vários formatos e locais. É por meio dela que todos os anúncios, estatísticas e resultados serão agrupados.

Você deve estar se perguntando: por que anunciar nessa rede é tão importante? A resposta é simples: o Google analisa 20 bilhões de páginas por dia e 35 mil pesquisas são realizadas a cada segundo. Já dá para perceber que não utilizar a plataforma significa abrir mão de um grande número de potenciais clientes, não é mesmo?

Quais campanhas disponíveis? 

A plataforma disponibiliza 6 tipos de campanhas e alguns subtipos. Confira:

1. Rede de pesquisa

A rede de pesquisa pode ser definida como a forma mais simples e utilizada de anunciar no Google. Essa campanha é apresentada na página de retorno das buscas dos usuários, a partir de uma palavra-chave específica. 

Ele é um anúncio importante, pois atinge também os leads de fundo do funil. Ou seja, quando um usuário pesquisa um termo específico nas buscas, ele já sabe o que deseja, facilitando, assim, a conversão dentro do site. 

2. Rede de pesquisa com exibição em display

A rede de display é um conjunto de milhões de sites, vídeos e aplicativos onde seus anúncios serão exibidos. Desse modo, ajuda a alcançar pessoas que usam o mecanismo de pesquisa do Google e acessam sites. 

Esse formato oferece mais chances de exibição e conversão se comparado com a rede de pesquisa — cerca de 15%, de acordo com o Google. Mas, em contrapartida, essa opção também apresenta um custo mais elevado. 

3. Rede de display

Nas campanhas da rede de display, os banners de anúncios só serão exibidos em sites de terceiros ou aplicativos. Sabe aqueles banners estranhos que costumam aparecer em alguns sites prometendo soluções milagrosas ou contando notícias inusitadas? Eles também foram criados por meio da rede de display. 

4. Google Shopping

O Google Shopping é um comparador de preços que aparece para o usuário quando ele pesquisa sobre um produto específico. Você pode integrar os anúncios à sua loja online, colocando preço, foto do produto e região desejada para que a campanha seja exibida. 

5. Vídeo

Esse tipo de anúncio pode ser exibido tanto no YouTube quanto em sites parceiros. O valor da cobrança pode variar com o tempo de exibição, local do anúncio, entre outros. Essa opção também permite trabalhar o branding da marca, lançar novos produtos e realizar o remarketing.  

6. Campanha universal para apps

Esse tipo de anúncio tem como objetivo a instalação de aplicativos. Ele redireciona o usuário até a página do Google Play ou App Store para finalizar a conversão. Eles podem ser exibidos dentro das plataformas de aplicativos, YouTube ou nas redes de display. 

Além dos 6 tipos, ainda existem os subtipos:

  • padrão: nesse tipo há uma mesma configuração para todas as campanhas ativas que otimiza seu orçamento, gastando-o ao longo do dia;
  • todos os recursos: nessa configuração, você estará utilizando, ao mesmo tempo, todos os recursos disponíveis na plataforma. Assim, será possível combinar essas segmentações e criar novos públicos;
  • objetivos de marketing: há três possibilidades disponíveis, promover reconhecimento, influenciar a consideração e promover uma ação.  

O que você achou? 

Esperamos que depois deste material você se sinta mais seguro para realizar uma campanha no Ads. Lembre-se, é claro, que sempre é mais seguro contratar uma boa agência para tocar o marketing da sua empresa, especialmente para campanhas digitais. Se ainda estiver com dúvidas, por que não fala com a gente?

%d blogueiros gostam disto: