Escolha uma Página
Você já ouviu falar em branding? Ele está ligado diretamente com a imagem da sua empresa. Com tanta concorrência no mercado, os consumidores criam critérios para definir qual marca eles vão escolher. Por isso, o branding é importante para determinar como seu negócio será visto e lembrado.

Ao realizar um bom trabalho de branding, o seu cliente sempre pensará na sua marca quando vir as cores, letras, sons e características do seu produto. Se quer entender mais sobre o assunto, este post é para você. Confira!

O que é o branding?

O branding é um conjunto de ações que melhora o posicionamento e o reconhecimento da sua marca. Quando o seu produto está alinhado às expectativas do público, não importa o valor, nem as ofertas da concorrência, ele sempre terá maior chance de escolher a sua marca.

Esse conceito desperta sensações e conexões entre o cliente e um produto ou serviço. Isso vai além de criar um bom produto e investir em marketing. Empresas focadas nesses objetivos saem do óbvio e conquistam seus consumidores de forma consciente e inconsciente.

Um exemplo é a marca Farm, que vende roupas femininas. Além de conquistar clientes pelas estampas e pela qualidade do produto, a loja tem uma fragrância criada exclusivamente para a marca. Toda vez que a cliente entra em uma loja Farm, ela tem uma sensação familiar, que vem deste perfume.

Como melhorar a imagem da empresa através do branding?

A imagem da sua empresa envolve diferentes canais, veja alguns exemplos.

Crie uma boa identidade visual

Se você não sabe por onde começar, criar ou recriar a sua identidade visual é uma boa opção. A identidade visual é composta por logo, fontes, cores e estilos utilizados na comunicação. Ela auxilia o consumidor a criar uma conexão entre sua marca e seus símbolos.

Invista na qualidade

Se a sua marca não investe em qualidade, é muito difícil se destacar no mercado. Pense em todas as etapas dos seus processos e elimine os pontos negativos. Com pesquisas internas e externas, você compreenderá como os seus funcionários e o seu público enxergam a sua empresa e, a partir disso, poderá mudar o que for preciso.

Por exemplo, realizar treinamentos periódicos pode ser uma boa opção para o público interno. No caso do público externo, mudar a embalagem ou lançar um novo produto pode ser um pedido feito pelos consumidores.

Reconheça a importância do relacionamento

A interação com os clientes deve ser pensada desde a pré-venda até o pós-venda. Muitas empresas já perceberam a importância do relacionamento com os seus consumidores e estão investindo nesse tipo de abordagem.

O relacionamento deve ir além dos contatos pré-programados para tentar vender produtos e serviços aos clientes. Toda a interação deve gerar uma experiência única, sem ser invasiva. A marca pode estabelecer contato com o cliente via redes sociais, e-mail e até telefone.

Antes da compra, é importante sanar as principais dúvidas do consumidor. Depois, o pós-atendimento pode uma pesquisa de satisfação, cupons de desconto e ações de fidelização.

Tenha um posicionamento de mercado bem definido

Esse é um erro bastante comum que alguns profissionais cometem. Ao construir um branding, muitos gestores procuram como público-alvo qualquer pessoa que esteja interessada naquele produto.

Tentar vender a sua ideia a todos é um erro, pois você não estará agradando ninguém. Quando você tem uma persona e trabalha o posicionamento de mercado baseado nas características dela, você estará engajando e se conectando com um público que será mais fácil de atrair.

Assim você terá uma linguagem, uma identidade e um posicionamento bem definidos, atraindo as pessoas certas.

Construir uma marca para o seu cliente é um processo cuidadoso e que pode levar tempo. Invista, seja criativo, diferencie-se da concorrência e tenha características únicas.

Se você quer saber mais sobre como melhorar a imagem da empresa, veja o nosso post blog sobre o rebranding.

%d blogueiros gostam disto: